Ad imageAd image

Pai Banana diz que teve todas as portas fechadas por questões políticas

Celestino
1 Min Read

Dividido entre a música e a política, o kudurista angolano Pai Banana revelou ao PLATINALINE o real motivo por trás da sua ausência no mundo da música. Extremamente abatido, porém firme na sua decisão, Pai Banana explicou que o silêncio prolongado no ramo artístico se deve ao cargo que assumiu há cerca de três anos como Secretário Provincial da Cultura de Luanda pelo maior partido na oposição.

Afirmou ainda que, desde que assumiu o cargo, todas as portas para o ramo artístico foram fechadas, impedindo-o de dar continuidade ao seu maior sonho, a música.

“Minha ausência no mundo da música é puramente uma questão política, pois agora sou secretário provincial da cultura de Luanda pelo maior partido da oposição. Parar de cantar foi uma decisão minha, pois todas as oportunidades foram bloqueadas”, afirmou.

Pai Banana também revelou que o bloqueio já vinha ocorrendo há algum tempo e que não havia razão para continuar a cantar e permanecer restrito.

No entanto, o kudurista afirmou que pretende retomar a sua paixão ainda este ano, pois o seu amor pela música é tão grande que nada o deterá.

Share This Article
Leave a comment